Browsing Tag:

fralda ecológica

Bebês/ Featured/ Maternidade

Fralda ecológica: tudo que você queria saber sobre

A fralda ecológica, também chamada de “fralda de pano moderna” por algumas pessoas, vem se popularizando bastante. Em inglês ela é conhecida simplesmente como “fralda de pano” (cloth diaper).  A fralda ecológica é chamada assim por ser muito melhor para o meio ambiente, já que não vai pro lixo e pode ser reutilizada por anos e anos a fio. Elas podem inclusive passar de bebê pra bebê, assim você pode economizar ainda mais dinheiro com fraldas descartáveis com a chegada de novos bebês na família. Também é possível encontrar fraldas ecológicas de segunda mão para vender em alguns sites.

A primeira vez que ouvi falar nessas fraldas ecológicas, não botei fé, e achei que além de dar muito trabalho, elas poderiam causar assaduras. Muita gente pode pensar a mesma coisa, baseado na idéia que temos da velha “calça enxuta”, que é mesmo conhecida por essas desvantagens. Acontece que a fralda ecológica é uma calça enxuta reinventada, que além de não dar tanto trabalho assim, na verdade evita assaduras e é mais saudável para o bebê do que a fralda descartável.

Modelos e Tamanhos

Existem vários modelos diferentes de fraldas ecológicas, mas as que estão mais “na moda” hoje em dia têm em comum o fato de usarem um bolso para inserção de um absorvente de pano especial, ao invés de fraldinhas comuns, como era o caso da calça enxuta de antigamente. Esses “inserts”, como são normalmente chamados, têm um grande poder de absorção e por isso as fraldas seguram bem por 3 a 4 horas (isso depende, claro, da quantidade de xixi que o bebê faz, o que pode variar bastante de bebê pra bebê).

Fralda e insert

Essas fraldas geralmente contam com uma camada exterior impermeável pra diminuir vazamentos (o xixi não passa do insert pra fralda) e a camada que está em contato com a pele do bebê é de um material macio que deixa passar o xixi mas impede que ele “volte”, por isso ela é muito eficaz na prevenção de assaduras.

Todos sabem que bebês crescem muito rápido, então como resolver a questão do tamanho, já que essa fralda é feita pra ser reutilizada por anos? Muitos modelos possuem uma série de botões que permitem um reajuste de tamanho da fralda, fazendo com que a mesma fralda possa ser utilizada desde os primeiros meses de vida de um bebê, até o desfralde. Esse é o modelo mais econômico, é o que usamos aqui em casa.

Diferentes configurações de tamanho

Existem outros modelos que possuem um tamanho específico, e outros que usam velcro para o fechamento. O problema com as de tamanho fixo é obviamente que se perdem rápido, e o velcro também se estraga com facilidade com as lavagens subsequentes. Esses modelos às vezes são mais baratos, mas saem caro a longo prazo já que não têm a mesma durabilidade dos modelos reajustáveis com botões.

Evitando Vazamentos

Na sua “configuração padrão”, com 1 insert dentro do bolso da fralda, a fralda ecológica normalmente segura bem por uma média de 3 a 4 horas. O tempo vai variar de bebê pra bebê, já que alguns fazem xixi e cocô com mais frequência (também dependendo da idade). Para evitar vazamentos, é importante não passar do horário da troca e ajustar bem o tamanho pra que a fralda não fique folgada. Outro fator importante pra se levar em consideração é que os inserts vão ficando mais absorventes à medida que são lavados, então no começo pode ser necessário que você faça as trocas com mais frequência.

É possível usar 2 inserts. Essa solução tende a ser uma boa opção para as noites, mas confesso que ainda não experimentei; por aqui eu optei por usar a fralda descartável apenas ã noite pra evitar os vazamentos, já que minha bebê dorme na cama conosco a maior parte da noite e eu não levanto pra trocar fralda.

Update 05/05/17: Começamos recentemente a usar a fralda ecológica pra dormir também, e têm dado muito certo! Nenhum vazamento até agora. Pra isso compramos um modelinho diferente de fralda que tem uma borda extra pra ajudar a reter o xixi, e também é feita de um material mais absorvente. A marca é Bambungle, comprei pela Amazon um kit com 3 fraldas (veja no link). Usamos 2 inserts: um de bamboo e um de microfibra. Assim está segurando por mais de 12 horas! Falo em mais detalhes sobre isso no segundo vídeo que gravei sobre fraldas ecológicas, um update agora que Alice já está com 8 meses. Você encontra o vídeo no final do post (segundo vídeo).

Manutenção

Acredito que a maior desvantagem que normalmente se imagina para esse tipo de fralda é a manutenção: “mas vou ter que lavar fralda de cocô, como se fazia antigamente?”… É uma preocupação totalmente compreensível, era a minha inclusive. Mas gente, hoje em dia é muito mais fácil lavar roupa né? Claro, ter uma máquina de lavar é essencial. Se você mora num lugar com bastante sol, maravilha. Aqui, como não temos, a máquina de secar também ajuda bastante (mas não é essencial).

Existem basicamente dois métodos pra lidar com as fraldas sujas até a próxima lavagem: o método seco e o método molhado. No método seco, que é o mais fácil, você joga as fraldas sujas num saco impermeável e pronto. Esses sacos seguram o odor e não vazam. Geralmente estão à venda onde você for comprar as fraldas. No método molhado, você deixa as fraldas sujas de molho em um balde com água, de preferência tampado. Essa água precisa ser trocada com alguma frequência. Aqui eu uso o método seco, e funciona muito bem.

Saco impermeável

Fraldas de cocô: tire o excesso e jogue no vaso, antes de guardar a fralda suja no saco ou no balde. Existem uns “lenços” biodegradáveis que são próprios pra serem usados na fralda e ajudam a reter a maior parte do cocô, eles podem ser jogados diretamente no vaso. Esses lenços são uma salvação quando o bebê começa a comer sólidos e as fezes ficam mais… encorpadas, vamos dizer 😀 Eu não ligava pra esses leços até que houve essa mudança por aqui. Hoje uso sempre.

Lavagem

Fraldas e inserts devem ser lavados separadamente (pode ser na mesma lavagem, mas precisa tirar o insert de dentro da fralda). Aqui eu opto por lavar em duas lavagens separadas porque eu coloco os inserts pra lavar + secar (a minha máquina faz as duas funções), mas as fraldas eu prefiro deixar secar no varal, pra não estragar.

As fraldas podem ser lavadas normalmente na máquina, com detergente / sabão e se quiser pode adicionar só um pouquinho de amaciante (eu gosto por causa do cheirinho mesmo). Mas pela absorção, é melhor não usar amaciante. Aqui eu coloco as fraldas pra secar no varal dentro de casa, elas secam bem rápido.

Já os inserts, por serem de um material grosso e muito absorvente, demoram mais pra secar. Aqui eu coloco eles pra secar na máquina, mas eles podem secar no varal também (só vai demorar mais). Pra lavar os inserts e manter bem o poder de absorção deles, você deve usar pouco sabão / detergente e não deve usar amaciante.

Investimento e Economia

Por ser um item não descartável e feito para durar anos, obviamente a fralda ecológica não é barata como uma fralda descartável; porém, a longo prazo, você vai economizar muita grana em fralda. Vou fazer aqui só uma conta simplificada baseada na minha experiência, isso pode variar bastante dependendo de onde você mora, mas no geral é sempre muito vantajoso.

Quando minha bebê era mais nova ela usava mais fraldas, mas vamos fazer de conta que ela sempre usou essa mesma quantidade e sempre vai usar assim, pra facilitar. Usamos hoje 4 fraldas ecológicas por dia, e uma descartável pra dormir. Vamos contar essas 4, se fossem descartáveis, como seria em um ano:

4 x 365 (dias) = 1460 fraldas ao ano

Aqui, um pacote de fraldas numero 3 (a que ela usa atualmente) custa 10 euros, e vem com 36 fraldas. Isso dá um custo de 0,27 centavos por fralda. Consequentemente, em um ano eu estaria gastando o equivalente a 394.2 euros em fraldas descartáveis. Vamos colocar a conta pra dois anos (uma média pra o desfralde) e esse valor chega a quase 800 euros.

Agora, vamos considerar que eu quero ter outro bebê no futuro. O custo total em fraldas na nossa família iria pra uma média de 1.600 euros, e estaríamos descartando no meio ambiente aproximadamente 5.840 fraldas descartáveis. 

Agora, quanto custam as fraldas ecológicas? Bom, isso realmente depende muuito das marcas,  modelos, onde você mora… Eu comprei as minhas pela Amazon do Reino Unido. Comprei dois kits diferentes, o primeiro foi com 12 fraldas e 24 inserts (12 de microfibra e 12 de bamboo, sendo que eu hoje só uso os de bamboo pois eles absorvem muito mais). Esse kit da Little Bloom me custou mais ou menos 60 euros na época. Depois de um mês mais ou menos eu quis comprar mais 6, pra complementar. Então optei por outra marca, que saiu um pouquinho mais cara. Comprei esse kit da Petit Martin com 6 fraldas, 6 inserts e grátis uma bolsa impermeável, me saiu por cerca de 40 euros na época.

Então meu investimento total foi de cerca de 100 euros, que no meu caso (de acordo com o meu uso de fraldas e as minhas contas) dá pra recuperar em 3 meses. No momento eu já estou começando a lucrar, já que fiz a mudança quando ela estava perto de completar 2 meses e agora ela está com 4 meses e meio.

Vantagens e Desvantagens da Fralda Ecológica

Como tudo na vida, existem vantagens e desvantagens em se optar pela utilização de fraldas ecológicas. É uma escolha bastante pessoal, que vai depender do seu estilo de vida, do que você prioriza, etc. Então, de maneira geral:

Vantagens

  • Baixíssimo impacto ambiental, comparando-se às fraldas descartáveis
  • Evitam assaduras, desde que trocadas com a frequência correta (3 a 4 horas)
  • Grande economia a longo prazo
  • São muito charmosas! Coloridas, estampadinhas…

Desvantagens

  • Precisa de um investimento inicial: você vai precisar de pelo menos uns 16 conjuntos de fralda + insert. Ivestimento começa a dar retorno em alguns meses.
  • Manutenção: precisa manter a lavagem em dia. Aqui eu tenho 18 fraldas, lavo a cada 3 dias.
  • Possíveis vazamentos: vaza mais fácil que a descartável

No vídeo abaixo eu falo sobre tudo isso de uma forma mais resumida e mostro as fraldinhas e seus detalhes:

Update 8 Meses

Nesse vídeo faço um update sobre nossa experiência com as fraldinhas ecológicas, como foi com a introdução alimentar, e como comecei a usar pra dormir também.